Menu de Navegação de Páginas

Arquidiocese celebra São João Batista e São Pedro

Arquidiocese celebra São João Batista e São Pedro

Prosseguindo com a celebração aos santos do ciclo junino, bastante cultuados no Nordeste brasileiro, a Arquidiocese de Olinda e Recife reverencia em junho São João Batista (24) e São Pedro (29). Na circunscrição da Arquidiocese, existem três paróquias dedicadas a São João Batista, uma no bairro do Sancho, em Recife e mais duas, sendo uma em Vitória de Santo Antão e outra em Pombos. Já em relação ao padroeiro dos pescadores e alicerce da Igreja, a comunidade da Ilha do Maruim, Olinda, celebra São Pedro com procissão marítima e missa, no dia 29/06. No Pina, a Colônia dos Pescadores Z1 celebra a 60ª festa de São Pedro.  O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, presidirá Missa Solene no dia 24/06 (10h), na paróquia de São João Batista, no Sancho, Recife.

 

 

 

Paroquianos e devotos se preparam para celebrar o santo conhecido como João “Batista” por ter batizado Jesus, seu primo, nas águas do Rio Jordão.  Na Igreja, São João é o único santo comemorado no dia de seu nascimento (24 de junho), pois foi purificado ainda no ventre de sua mãe Isabel, por ocasião da visita da Santíssima Virgem, grávida de Jesus. Os demais santos são celebrados no dia de sua morte, que significa o início da verdadeira vida em Deus. Precursor de Jesus, anunciou sua vinda e a salvação que o Messias traria para todos. João Batista era a voz que gritava no deserto e anunciava a chegada do Salvador. Ele é também o último dos profetas. Depois dele, não houve mais nenhum profeta em Israel.

Na comunidade do Sancho, zona oeste do Recife, a Natividade de São João Batista vem sendo celebrada desde o dia 15 e segue até o dia 24/06. Diariamente, acontecerá o novenário seguido de Missa, celebrada por um padre convidado, às 19h30, na igreja matriz. Para este ano, o tema escolhido foi “A comunidade de São João Batista em comunhão com o Ano Mariano”. A Igreja Católica acredita que foi por ocasião da visitação de Nossa Senhora à sua prima Isabel que Deus purificou do pecado aquele que, nas palavras de Zacarias, seria “chamado profeta do Altíssimo” (Lc 1, 76).  O encerramento da festa acontece no dia 24/06. Às 10h, dom Fernando Saburido presidirá a missa solene, em memória da natividade do padroeiro junino, na matriz, e às 16h, a procissão do padroeiro sairá da matriz, para em seguida, o pároco padre Irismar Farias presidirá a missa às 17h. A comunidade paroquial de São João/Sancho também abre espaço para a solidariedade:  a cada dia da missa, serão arrecadados donativos para serem entregues às famílias que foram atingidas pelas enchentes em Pernambuco.

A devoção por São Pedro terá seu ápice no dia 29/06, em Olinda e Recife. No Vicariato Olinda, o vigário episcopal monsenhor José Albérico Bezerra explica que existe na comunidade Ilha do Maruim, Olinda, a capela de Nossa Senhora da Rosa Mística, que faz parte da paróquia São Pedro Mártir de Verona e a forte devoção ao padroeiro dos pescadores, que será festejada com procissão marítima   (9h) e no retorno, missa celebrada na Associação dos Pescadores de Ilha do Maruim (Aspim). Na zona sul da capital, no bairro de Brasília Teimosa, a congregação das Irmãs Missionárias de Jesus Crucificado, em parceria com a prefeitura do Recife e Colônia dos Pescadores Z1 do Pina promovem 60ª festa de São Pedro, com a missa campal, às 8h, presidida pelo frei Nunes de Araújo, frade capuchinho, em frente à colônia. Às 14h, terá início a procissão terrestre pelas ruas do bairro, seguida da procissão fluvial, em direção ao Marco Zero.

São Pedro nasceu em Betsaida, um pequeno vilarejo às margens do lago de Genesaré, ou Mar da Galiléia, no norte de Israel. Seu nome de nascimento era Simão. Quando conheceu Jesus, Simão era casado (os Evangelhos falam da cura da sogra de Pedro) e morava em Cafarnaum, importante cidade às margens do lago de Genesaré. Era filho de Jonas e tinha um irmão, André. Este foi quem o apresentou a Jesus. Os dois se tornaram discípulos de Jesus e mais tarde, apóstolos. São Pedro era pescador e possuía um barco, em sociedade com seu irmão. Ambos trabalhavam no Mar da Galiléia, um lago de água doce formado pelo Rio Jordão, na região da Galiléia em Israel. Quando Jesus conheceu Simão, disse a ele uma frase que mudaria sua vida: Você será pescador de homens. A partir daí, Simão começou seguir Jesus. Num determinado momento, Simão confessou a Jesus: Tu és o Messias, o Filho de Deus. Por isso, Jesus disse que, daquele momento em diante, seu nome seria Pedro, Cefas, Kephas em aramaico, palavra que significa Pedra.  Mais tarde o significado disso ficou claro: Pedro foi o primeiro papa da Igreja, tornou-se a Pedra onde a Igreja encontra sua unidade.

 

Festa de São João Batista 24/06 (10h), na paróquia São João Batista:
Av. Pe. Ibiapina, S/N, Sancho
Recife-PE
Telefone: 3129-7262
facebook.com/paroquiasancho

Pe. Irismar Farias – Administrador paroquial
(81) 99759-9064

Istivy cordeiro – Assessor de comunicação da paróquia
(81) 98775-6802
istivy@gmail.com

Comunidade São João Batista da paróquia Nossa Senhora das Dores/Apipucos:

Tríduo festivo de 21 a 23/06 – 18h30 (terço) e 19h30 (missa);

24/06 – procissão (15h30) e missa 16h)

Endereço: Centro Comunitário São João Batista, Rua do Canal, 444, Vila São João, Monteiro, Recife. Informações: 3268-5716

 

Capela São João Batista da paróquia Nossa Senhora do Rosário/Várzea:

De 21 a 23/06 – Tríduo de São João Batista (às 18h) e missas (às 19h).

24/06 – Queima de fogos (7h), Terço, ladainha de São João e Ofício de Nossa Senhora (7h15), procissão (16h) e missa do padroeiro (17h).

Endereço: Rua Abatiá, s/n, Cidade Universitária, Recife.

Telefone: 3453-2442

 

Missa de São Pedro e procissão fluvial (29/06, 08h e 14h) – Brasília Teimosa, Recife:

Endereço Colônia dos Pescadores Z1 do Pina, Recife: R. Mal. Hermes, 1.

Telefones: 3327-0724 e 99849-2709 (Humberto)

 

Procissão marítima e Missa de São Pedro (29/06, 9h) – Ilha do Maruim, Olinda:

Informações: Mons. José Albérico (9.996-91603)

 
(Pascom Arquidiocese)

 

 

Deixe um Comentário